O terra Nova.

História da Raça

Uma lenda conta que uma vez um cão Terra Nova (também conhecido pelo nome de Newfoundland Dog), sozinho, socorreu 63 marinheiros de um naufrágio – passando a ser conhecida, por muitos, como a raça dos verdadeiros gigantes gentis. Ela é a combinação dos músculos do Great Pyrenees com a doçura e personalidade tranquila de um Labrador Retriever.

Paciente, amoroso e divertido, os cachorros Terra Nova combinam perfeitamente com o ambiente familiar, interagindo bem com pessoas de todas as idades e até idosos. Eles se dão absurdamente bem com as crianças mais ativas e cheias de vida – assim como eles - e também são bastante educados quando próximos de pessoas desconhecidas; sem apresentar maiores problemas de agressão ou desconfiança exagerada ao serem apresentados para estranhos.

Embora o seu nome tenha sido criado a partir do local de surgimento do cão – a vila de Newfoundland, no Canadá – a raça Terra Nova têm uma série de hipóteses que rondam a sua origem, e diferentes possibilidades apontam-no como descendente de raças como Labrador, Dogue do Tibete e Mastim dos Pirineus, entre outros. No entanto, este dócil cachorro segue, até hoje, sendo muito comparado com os cães São Bernardo, em função da pelagem e do porte similar.

Origem.

Conforme descrito em seu nome, o cão Terra Nova nasceu em uma vila canadense chamada de Newfoundland, ou em português, Terra Nova. Especula-se que nos séculos XVI e XVII os colonos europeus introduziram os ancestrais dessa raça na ilha de Terra Nova. Sobre seu desenvolvimento, as hipóteses mais verossímeis dizem que o cão de águas podia ter contribuído com a criação dessa raça.

Tendo origem nas vilas de pescadores da região de Newfoundland (que, na tradução, significa Terra Nova), na costa do Canadá, estes cães já trabalharam como ajudantes dos pescadores da região por gerações, ajudando-os a puxarem redes, a resgatar marinheiros de naufrágios e servindo como companhia para os pescadores durante os longos dias de trabalho no mar.

Ao longo do tempo, os cães da raça fizeram o seu caminho para a Europa e para os Estados Unidos, se tornando cães de trabalho populares e cachorros de exposições – também tendo começado a ser adotados como mascotes. Apesar de a domesticação da raça ter começado há muito tempo, até hoje é possível encontrar esses cães trabalhando duro junto com os seus donos pescadores em Newfoundland.

Embora a sua origem seja, de certa forma, definida – tendo a ilha que dá o nome à raça como grande referência – os boatos e possibilidades que permeiam o surgimento dos cães Terra Nova são muitos, e há quem diga que eles são produto do cruzamento entre cães de Vikings e outros cachorros de raças indígenas.A ligação do Terra Nova com cães de raças como Labrador e Mastim dos Pirineus também são hipóteses que seguem populares até hoje – embora ele seja mais comparado ao São Bernardo; tanto em função de sua aparência como pelo hábito de pular atrás de resgatar qualquer coisa que, por ventura, caia na água.

Comportamento.

O Terra Nova é um dos cães mais carinhosos e gentis que se tem conhecimento. Ele é sensível, bom, sociável e sempre estará encantado de poder brincar com as crianças (exceto quando ele estiver com vontade de descansar depois de comer e, nestes casos, o melhor é deixa-lo descansar por algum tempo). Extremamente dócil e companheiro, o cão da raça pode ser indicado para trazer amor e diversão para famílias grandes, interagindo bem com todo tipo, personalidade e idade de pessoas.

O cachorro Terra Nova também adora nadar e mergulhar na água, tendo uma grande reputação como salva-vidas – sendo comparada à raça do São Bernardo – que também é fã da água e costuma atuar ajudando em trabalhos de resgates no local; tanto de pessoas como de objetos quaisquer.

Enquanto os cachorros Terra Nova podem não ter muito interesse em atuarem como cães de guarda, eles são conhecidos por resgatarem as pessoas que amam de incêndios, afogamentos e outros perigos - sendo muito bons em manter seus donos longe de perigos que possam ameaçar suas vidas. Essa raça desfruta bastante da companhia de seus proprietários (pelos quais sentem um grande apego), e adoram matar o tempo com brincadeiras divertidas ou mesmo, acompanhando-os em momentos de relaxamento.

Criado para trabalhar longos dias no frio e em climas intensos e molhados, o Terra Nova é uma companhia para os dias fora de casa. Extremamente confiável, seja em longas caminhadas nas florestas ou longos dias no campo, esses cães têm uma ética de trabalho e durabilidade para aguentar climas extremos e trabalhos pesados. Eles também amam bons e longos mergulhos na água por prazer, sem deixar que as condições do tempo lhe impeçam de se divertir.

Dedicado aos seus donos e amigos, o cão da raça não hesita em se jogar na água para salvar alguém ou algo – no entanto, necessita de treinamento e adestramento adequado para que nenhum tipo de problema aconteça em função disso. Para se ter uma ideia do quão grande é a fama de salva-vidas do Terra Nova, há histórias que dizem que um cão da raça já foi o responsável pelo salvamento de Napoleão do afogamento.

Sobre A Raça

  • Aspectos
  • Cuidados
  • Saúde

Os cães dessa raça são cães grandes, fortes e pesados. Sua cabeça e focinho são largos e seus olhos pequenos, profundos e bem espaçados. Eles têm as orelhas pequenas, triangulares e inseridas bem atrás, com as pontas arredondadas. A cauda é larga na base e bem forte. Seu pelo é liso e resistente à água, sua pelagem pode ser preta, marrom ou branca com manchas pretas.

Os cães da raça Terra Nova são cães realmente muito grandes, e o seu peso médio chega a cerc de 70 quilos no caso dos machos – sendo que as fêmeas podem pesar uma média de até 55 quilos. A raça é robusta e dona de ossos fortes e grandes, que são cobertos de uma pelagem pesada e vasta.

Sua aparência geral é de um cão sadio e com muita vitalidade. Destacando um rosto suave, bochechas notáveis e pescoço firme e forte que desce para um peito cheio e costas largas, o Terra Nova tem uma cauda que, normalmente, pende para baixo.

O Terra Nova é um cão bastante robusto e espaçoso para a vida na cidade grande; no entanto, possui a capacidade de se adaptar muito bem à vida caseira, contanto que possa contar com um jardim ou um espaço aberto qualquer em que possa se exercitar e brincar todos os dias. Para que os cães dessa raça se mantenham jovens e saudáveis, é recomendável que ele tenha espaço para fazer exercícios e donos que o levem para passeios em locais abertos e cheios de natureza, sendo que brincadeiras que incentivam o cão a recuperar diversos objetos – quer eles estejam visíveis ou escondidos – ou nadar estão entre as preferidas pelos Terra Nova.

Além disso, o proprietário de um cão Terra Nova deve estar sempre atento com sua dieta – evitando dar alimentos demais para evitar que o animal fique obeso – e não deixando de escovar a sua pelagem, pelo menos, uma vez por semana; evitando o acumulo de sujeiras nos pelos e, consequentemente, o surgimento de problemas de pele como a dermatite.

Nos períodos de troca de pelagem, é recomendado que as escovações do cão sejam feitas todos os dias e, de preferência, do lado de fora de casa - para evitar que a sujeira dos pelos se espalhe por todos os cantos do ambiente em que o cão for escovado.

O Terra Nova é um cão que tem certa propensão a sofrer com a displasia coxofemoral e de cotovelos, devido ao seu grande e robusto porte. Outro problema ao qual os donos de cães da raça devem estar sempre ligados é o da torção de estômago – também conhecida como torção gástrica - quando em uma idade mais avançada e; portanto, na hora de alimentá-lo, é importante que as porções sejam controladas (pois, sem isso, ele pode acabar comendo até que o alimento oferecido acabe e, com esse exagero, gerar uma caso de torção).

A expectativa de vida dos cães Terra Nova é de 15 anos, apesar de que a maioria deles acaba vivendo uma média de cerca de 10 anos. Os cachorros Terra Novatêm uma forte tendência a engordar, então o aconselhável é que eles comam em pequenas porções várias vezes ao dia – evitando tanto a obesidade do animal quando episódios que podem leva-lo à morte, como a torção gástrica.

Fale Conosco

Venha Fazer parte de Nossa Família!

Contato